fbpx

O que é o IaaS – Infraestrutura como Serviço

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no google
Google+
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no telegram
Telegram

IaaS Infraestrutura como Serviço 

IaaS – (Infraestrutura como serviço), é um modelo de serviço em nuvem que nos possibilita provisionar rapidamente recursos computacionais como: processamento, armazenamento, memória e rede.

Trabalhar com modelo IaaS, significa poder reservar ou provisionar no momento que quiser ou precisar, servidores em nuvem. Isso faz com que sua empresa elimine vários processos burocráticos internos para que um serviço esteja disponível para uso.

Sua empresa não precisa gerar gastos investindo em hardware, rede, e até mesmo vai desafogar a equipe de T.I , pois eles não vão mais precisar consumir tempo na instalação de servidores, assim como é feito no modelo On Premises.

Responsabilidades no IaaS

Quando trabalhamos com serviços do tipo IaaS é importante que saiba sobre as responsabilidades que você vai tem e a que o provedor tem naquele produto. Pois o que mais vejo são empresas que não entendem disso e querem transferir a responsabilidade por algum tipo de falha ao provedor, principalmente algo que não é da responsabilidade dela. A imagem abaixo representa as responsabilidades do cloud e cliente.

Responsabilidade do Provedor Cloud

O provedor, seja ele a AWS, Google Cloud, Azure ou qualquer outro que trabalha com serviços IaaS tem a responsabilidade de gerenciar toda a infraestrutura do data center. É o provedor quem faz a gestão e garante a disponibilidade da infraestrutura para que você tenha os recursos que contratou, bem como a disponibilidade desses recursos.

É o provedor quem gerencia as redes de internet na infraestrutura, modelos de segurança e até mesmo arquiteturas de energia elétrica. Pois isso é algo que você como cliente não tem acesso nessa modalidade de serviço cloud. Em outras palavras, o provedor vai te entregar a faca e o queijo para trabalhar, mas é você quem corta o queijo da forma que quiser.

Responsabilidade do Cliente

Quando um cliente contrata um servidor em cloud, ele recebe os recursos computacionais que escolheu, bem como pode escolher o tipo de sistema operacional, tipo de rede e IP’s do servidor.

É de responsabilidade do cliente tudo o que vai ser configurado dentro do servidor, ex: banco de dados, servidor de e-mail, servidor de backup. Essas tarefas não são realizadas pelo provedor, muito menos realização de manutenções em caso de quedas no banco ou algum serviço que o cliente configurou. 

Vantagens do IaaS

Conheça as principais vantagens no IaaS.

1. Redução de gastos contínuos

A IaaS faz com que sua empresa elimine todos os custos com aquisição de equipamentos e até mesmo profissionais para gerenciamento de infraestrutura local ( On Premises ).
Elimina também preocupações arcaicas com qualidade e eficiência do hardware, uma vez que será responsabilidades contínuas do provedor e não do cliente.

2. Hardware de qualidade

Grandes provedores como AWS, Azure e GCP investem muito dinheiro em equipamentos, tecnologias e infraestrutura constantemente. É possível trabalhar com classes de servidores para os mais diversos cenários de projetos.

3. Agilidade no provisionamento

Rapidez no provisionamento de infraestrutura, bem como rapidez na redução e/ou eliminação dos serviços ativos. Isso faz com que sua equipe tenha poder para atender a demanda do momento.

4. Estabilidade e Confiabilidade

Não vai existir a necessidade em atualizar o hardware ou software da infraestrutura, muito menos resolver problemas de equipamentos. A maioria das empresas possuem um SLA muito confiável para garantir a disponibilidade e qualidade para seu negócio.

5. Escalabilidade

Vários serviços poderão ser implementados em serviços que podem realizar escalamento conforme necessidade.

Casos de uso do IaaS

Conheça alguns casos onde podemos usar o modelo IaaS.

1. Servidores de desenvolvimento e testes

Sua equipe vai poder com poucos cliques colocar ativo servidores para serem usados em testes de software e desenvolvimento, como também vão poder deletar os servidores rapidamente. Isso faz com que você evite custos desnecessários, e pague apenas pelo o que usou e pelo tempo que usou.

2. Hospedagem de sistemas web

Hospedar sistemas, sites e e-commerce se torna bem interessante uma vez que a infraestrutura poderá escalar/reduzir verticalmente garantindo a disponibilidade das suas aplicações.
Muitas empresas atualmente tem usado o Kubernetes para microsserviços e tem tido um ganho enorme de performance.

3. Armazenamento e Backup

Sua empresa não vai precisar preocupar com comprar discos para backups nem mesmo preocupar com a qualidade e segurança dos discos. Equipes de T.I tem uma liberdade maior de implementar o sistema de backup em servidores na nuvem.

 

Conclusão

Utilizar o modelo IaaS para provisionar e trabalhar com serviços na nuvem vai gerar uma outra ótica para seu negócio. Sua equipe de T.I poderá cuidar apenas da aplicação, desenvolvimento ou manutenção da aplicação e menos com infraestrutura física. 

Você vai notar também que é muito mais fácil e rápido colocar algum projeto em produção com o máximo de qualidade. 

 

Leia Mais:

De uma nota para esse artigo.
[Total: 0 Total: 0]
Principais Categorias

Consultoria e Parcerias

Consultoria, gerenciamento e mentoria para serviços de Infraestrutura, DevOps e Hosting.

Entre em contato

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *